A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

sábado, setembro 29, 2012

Côr de solidão

















 
Minha alma tem o peso da luz. Tem o peso da música. Tem o peso da palavra nunca dita, prestes quem sabe a ser dita. Tem o peso de uma lembrança. Tem o peso de uma saudade. Tem o peso de um olhar. Pesa como pesa uma ausência. E a lágrima que não se chorou. Tem o imaterial peso da solidão no meio de outros.

 

 
Clarice   Lispector 
Eduardo   Aguelles


.  .  .   da   solidão  ,  no   meio   dos   outros  .  


1 comentário:

AC disse...

A consciência de sermos tremendamente incompletos, em contínua mutação.

Beijo :)