A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

domingo, fevereiro 24, 2013

Côr de . . . e paciência




















Tempo  e  paciência  transformam   a   folha
de  amoreira  em  seda .

 
 
 
 
Provérbio italiano
imagem  _ Pete  Revonkorpi _

quinta-feira, fevereiro 21, 2013

sábado, fevereiro 16, 2013

Côr de tropeço



















Mesmo   desiludida ,  ainda   tropeço  ,  e   caio ,  na  ilusão .

 
 
 
 
 
 
imagem  _  Leaf   Carvings  _

quarta-feira, fevereiro 13, 2013

Côr de . . . não chega a ser ferida



Nunca fui o que quiseste ,
Fui sempre o que não gostavas ,
Deitei fora o que me deste ,
Pedi-te o que não me davas .

Fui abraço de serpente
E beijo amargo limão ,
Fui um corpo sem ser gente ,
Mão que é prego noutra mão .

Fui de promessa fingida
E rosto que não se encara .

Dor que não chega a ser ferida
E até por isso não sara .

Fui noites sem madrugadas ,
Desejo sem aflição
Estamos de costas voltadas
Por mais que digas que não .







Letra _  Maria  do  Rosário  Pedreira  _
Musica _  Alfredo  Marceneiro  _

segunda-feira, fevereiro 11, 2013

sábado, fevereiro 09, 2013

Côr de ferrugem



















Se tens  um coração  de  ferro ,  bom   proveito . 
O meu ,  fizeram-no  de  carne , e sangra  todo  dia .



José Saramago
imagem _ net _



É ... 
sangra , dói ,  fica  com cicatrizes . . .
mas ,
 não    enferruja .

terça-feira, fevereiro 05, 2013

sábado, fevereiro 02, 2013

Côr de amar



















Quando se deseja realmente conquistar um  
coração  ,  é preciso que antes já tenhamos
conseguido  conquistar  o nosso , é preciso
que  ele  já tenha sido explorado nos mínimos
detalhes , que  já  se  tenha  conseguido   
conhecer   cada  cantinho ,  entender   cada  
espaço  preenchido  e  aceitar   cada   espaço 
vago . 
 

Fernando Luis Veríssimo
Neil  MacDonell


Ou seja . . .
a  maior  dificuldade  está  em  saber amarmo - nos   !