A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

domingo, abril 26, 2009

Côr de ... en tus brazos / Chavela Vargas .

2 comentários:

FA disse...

Associei este poema a dois excertos:
Florbela Espanca- Eu quero amar, amar perdidamente...
e a Amália - Se eu soubesse que morrendo tu me havias de chorar, por uma lágrima tua me deixaria matar...
Amar com esta intensidade
Pode doer de verdade
Ou corroer de saudade!
Bj

Lilazdavioleta disse...

Olá Amiga FA .
Mas os afectos têm que ser intensos, e por isso doem .
Caso contrário , são simpatias .
E estas duas Senhoras amaram e viveram , até doer .

Beijinhos e muito , mas muito , obrigada pela visita .