A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

quinta-feira, janeiro 14, 2010

Côr de cansaço , muito .



Não , não é cansaço...
É uma quantidade de desilusão
Que se me entranha na espécie de pensar,
E um domingo às avessas
Do sentimento ,
Um feriado passado no abismo...
Não , cansaço não é...
É eu estar existindo
E também o mundo,
Com tudo aquilo que contém,
Como tudo aquilo que nele se desdobra
E afinal é a mesma coisa variada em cópias iguais.
Não. Cansaço por quê?
É uma sensação abstrata
Da vida concreta —
Qualquer coisa como um grito
Por dar,
Qualquer coisa como uma angústia
Por sofrer,
Ou por sofrer completamente ,
Ou por sofrer como...
Sim, ou por sofrer como...
Isso mesmo, como...
Como quê?...
Se soubesse, não haveria em mim este falso cansaço.
(Ai, cegos que cantam na rua,
Que formidável realejo
Que é a guitarra de um , e a viola do outro, e a voz dela!)
Porque oiço, vejo.
Confesso ...
é cansaço
!...


Álvaro de Campos

Muito ... mesmo muito ... !

5 comentários:

paulo disse...

Minha Amiga ,
sei o porquê de tanto cansaço , e tu também .
Quando te convences que não és o muro das lamentações ?

Um beijo com preocupação à mistura.

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

O cara tinha razão. Quando estamos vazios e nada nos atormenta, parece que o mundo não roda. Mas pra muita gente o contrário é verdadeiro. Então o que fazer? Sentir o que mais nos conduz.

até mais.

Jota Cê

Lilazdavioleta disse...

Paulo ,
não , não tem a ver com isso .

É muito mais complexo .

Obrigada pelas palavras .

Beijo e bfs

Lilazdavioleta disse...

Jota Cê ,

mas este sentir , por vezes acompanhado de impotência , é que muitas vezes provoca esta sensação de cansaço .

Beijo,

Maria

ISA disse...

O cansaço tanto vem de dentro para fora, como de fora para dentro...e tantas razões haverá para nos sentirmos cansados!? Eu canso-me com o silêncio... outros há que se cansam com o ruído. Também se todos fossemos iguais... mas não somos... e ponto final.
jinhos
amiga
isa