A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

sábado, maio 21, 2011

Côr de preconceito




















_Quando o Zezinho era pequeno, queria ser bailarino e os seus pais desencorajaram-no , porque era coisa de maricas.
Logo depois , quis ser cabeleireiro , mas seus pais não deixaram porque era coisa de maricas.Passado algum tempo quis ser estilista , mas seus pais não permitiram porque era coisa de maricas

Agora , o Zezinho cresceu , é maricas e não sabe fazer nada ... _



Desconheço o autor
Imagem _ Lena Revenko _


Este pequeno texto foi - me enviado , via e-mail , a titulo de anedota .

Mas não seria má ideia olhá - lo com seriedade .
É que o preconceito anula , faz feridas , crucifica .


O preconceito chega a matar !

2 comentários:

Nilson Barcelli disse...

Mas o texto não é uma anedota... quantas vezes a família, em nome das mais disparatadas razões, anula as crianças e jovens...
Beijos, querida amiga.

Atitude do pensar disse...

Sempre pensei sobre qual seria a cor do preconceito...