Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi




A _ cor _ dar , é preciso !


sábado, dezembro 26, 2015

Côr de Luís Cruz

_  Então  rapariga ,  como  vai  o  olho  ? _
_  Bem  .
_  Olha  , agora  se  arranjares   outro  problema 
muda  de  lado . . .  sempre  esquerdo _

Melhoras  para  o  olho   e  pé  .
Amanhã    telefono . _

Trinta  minutos   depois   quem   telefonou   foi  a   L .
A   sua  voz   estava   estranha .
_  Que   aconteceu  ?  _
Fez -se   uns  minutos   de  silêncio ,  até   que  ela  
com  a  voz   cheia  de   lágrimas . . .
_  O   nosso   Luís   deixou -nos   _

Fiquei  sem  fala  ,  na  verdadeira  acepção  do  
termo .
Telefonei   mais  tarde .

E  o  que  se  diz   quando  o  nosso   melhor  e  antigo
 amigo  morre ?

E   quem   me   chamará   rapariga   e  a  quem   chamarei  amiguínho  ?
Quem  me  obrigará  a  ler  peças  de  teatro ,  
para  dar   a  opinião ?  [ e  a  aflição  que  
sentia ,  quando  não  gostava ] .

Apesar   de  acreditarmos  que  continuas  cá   e  que   em    breve  nos  encontraremos ,  ainda  me     sinto  incrédula   quanto  à   tua   ausência ,  e as   saudades
 já   se  estão  a  formar  .

Sei   que  não  te  faltará    Luz  . . .      

aqui   vai   uma  das  tuas  musica   preferídas ,  embrulhada    no   abraço   que   não   foi   dado .

3 comentários:

AC disse...

Há pessoas que deixam marcas profundas...

Deixo um abraço, Maria.

São disse...

Nestes momentos de dor, não existem palavras capazes de consolar, só a presença de quem partilha o desgosto.

Um abraço solidário de deixo e o desejo de que 2016 te poupe a sofrimentos e te dê tudo quanto sonhas.

Luis Filipe Gomes disse...

https://www.facebook.com/happinessdistributionpointcom/videos/1230717813612133/