A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

sábado, abril 16, 2016

Côr de arvore da vida




















Olha, meu filho,
esta é a árvore  da  vida .

Crescerás  com ela.
Às vezes
nos seus ombros colherás
lágrimas em lugar  de  frutos ,
mas
é nos ramos mais altos
que o sonho
mora ,


a liberdade
floresce.






Albano  Martins
imagem _  Steven  Kenny _

3 comentários:

Emília Pinto disse...

Linda esta cor, Maria, mas é bom que tenhamos a noção de que a vida, apesar de bela nos trará lágrimas e dores juntamente com os muitos amores. Os sonhos estão lá no alto da árvore, mas às vezes os galhos são frágeis e há que ter cuidao ao subi-los para alcançar os sonhos; partem-se muitos e o tombo é grande, de modo que é melhor ir devagar , com paciência, para que consigamos atingir alguns. Querer demais e depressa nunca dá bom resultado. Obrigada, amiga pela partilha deste belo momento. Gostei da cor! Beijinhos
Emilia

São disse...

Gostei do poema, cujo autor me é desconhecido.

Gosto imenso das esculturas de Rodin, em cuja Casa-Museu já estive.

Beijinhos, Maria.

AC disse...

Um belo poema de Albano Martins.
(Nasceu por aqui, na Cova da Beira, de vez em quando aparece...)

Um beijinho :)