A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

domingo, maio 09, 2010

Côr de homem .

6 comentários:

paulo disse...

Se fosse possível confundir-te com um homem , só podias ser tu .

Continuas as gostar de tremoços ?

Já contagiaste mais gente ?

Oxalá , como costumas dizer .

Beijos

Lilazdavioleta disse...

Olá Paulo ,
Continuo a gostar de tremoços , sim .Continuo a apanhar folhas do chão e a acariciar gatos e outros animais , que o permitem .
Até os humanos , gostaria , quanto mais não fosse com palavras . Mas andamos muito medrosos e arredios .

Quanto ao contágio , não sei .


Obrigada pela visita e palavras.

Beijos

Lilá(s) disse...

Bem! sou um pouco parecida com a descrição! ainda bem que sou mulher...
Bjs

~*Rebeca e Jota Cê*~ disse...

Esse trailer do documentário Babies simplesmente mexeu comigo demais. Se todos parassem, pelo menos um vez por dia, e vissem um mundo novo saído do cueiro, simplesmente teriam vontade de levar pra casa e cuidar. Essa comparação cultural que Thomas Balmes dirigiu, apenas mostra que pra fazer a esperança surgir, primeiro temos que fazer nascer o puro dentro de nós. São crianças de diferentes partes do globo: Namíbia, Mongólia, Japão e Estados Unidos.


O que acho super válido nessa vida é multiplicar a utopia de um mundo melhor.

Piegas? É nada....

http://www.youtube.com/watch?v=1vupEpNjCuY

Beijo imenso, menina linda.

Rebeca

-

Nilson Barcelli disse...

Creio que foi Mário Cesariny quem escreveu esse magnífico texto surrealista.
Já o conhecia, mas dito por um homem. Talvez o Mário Viegas.

Mas foi bom ouvir de novo, porque já quase estava esquecido do meu imaginário.

Querida amiga Violeta, obrigado pela partilha. E parabéns pela excelente escolha que fizeste.
Beijo.

Lilazdavioleta disse...

Amigo Nilson ,
podia ser , mas é de Mário Henrique Leiria .
Aqui só encontrei dito pela Manuela de Melo .[ uma surpresa para mim ]
É provável que o Mário Viegas também o tenha feito , uma vez que disse alguns escritos deste autor .

Um beijo e obrigada pela visita e palavras .
Maria