A _ cor _ dar , é preciso !






Temos de nos tornar na mudança que queremos ver.

Mahatma Gandhi

sábado, dezembro 19, 2009

Côr de flor da papoila .



Adoeceste
e não há nada a fazer ... vais morrer .
O que te resta de vida poderá contar-se por meses ... e já não por anos .
Os que te amam sabem - no e choram ás escondidas , para tu não saberes que eles sabem .E tu sabes e choras às escondidas , para eles não saberem que tu sabes .
Despedes-te .
Ficas longamente a olhar os objectos que amaste. Olhas pela janela o guaiaco de de folhas ainda verdíssimas e sabes que já não haverá tempo para tornares a vê-lo furioso de amarelo .
Despedes - te
Imperceptivelmente , despedes-te das coisas e pessoas .
Olhas com a nostalgia da ultima vez .
Passado algum tempo , gostarias de abreviar o sofrimento , mas não és capaz .
Os que que experimentaram ópio sustentaram que _ o único real é a dor _ !
É bom que suprimas a dor , isto é , a realidade .
A receita é o ópio .
Tens o direito de te despedires da vida calmamente .
A receita provém da flor da papoila .


Héctor A. Faciolince _ Receitas de Amor para mulheres tristes _

Sem comentários: